2014-12-04

Premiação e convencimento organizam equipes relaxadas - by Max Gehringer

Transcrição do comentário do Max Gehringer para a rádio CBN, do dia 04/12/2014, com três maneiras de fazer com que os funcionários se tornem mais focados e dedicados ao trabalho.

Áudio original disponível no site da CBN. E se você quiser ler os comentários anteriores do Max Gehringer, publicados aqui, basta clicar neste link.

/===================================================================================

Premiação e convencimento organizam equipes relaxadas

liderança

Um ouvinte escreve: "Sou gestor em uma pequena empresa e minha equipe é relaxada, no mal sentido. Não é tanto uma questão de comportamento, porque todos se dão bem e nenhum é mal educado. O que falta é mais atenção e mais dedicação. Existe alguma maneira de fazer com que eles sejam mais focados e organizados?"

Sim, existem três: premiação, punição e convencimento. A premiação funciona quando é possível estabelecer objetivos individuais, cujos resultados possam ser medidos. Funciona bem em áreas em que todos os subordinados executam o mesmo tipo de trabalho, como vendas, manufatura ou telemarketing.

Já a punição costumava ser o meio preferido das chefias até uns 20 anos atrás. Mas os tempos mudaram. Ameaçar, advertir e punir subordinados, muitas vezes com base somente na percepção do chefe, passou a gerar acusações e processos por assédio moral. E as empresas vêm se tornando cada vez mais sensíveis em relação a esse método despótico.

A terceira opção é o convencimento. Conversar primeiro com o grupo e depois com cada um, individualmente. Entender quais são os problemas que causam essa desorganização, ouvir sugestões e implantar medidas propostas pelos subordinados. Isso faz com que todos se tornem mais responsáveis pelos próprios atos.

Se no seu caso, a premiação for inviável, devido à natureza do trabalho, o convencimento é o mais recomendável. Porque só depende da sua habilidade para falar, ouvir e executar, que é o que se espera de um bom gestor.

Max Gehringer, para CBN.


No comments:

Blog Widget by LinkWithin